Skip to main content

Não é novidade que o comércio mundial segue em crescimento e que este movimento ainda deve durar um bom tempo. Com um número cada vez maior de empresas, consumidores e processos, é natural que os gestores busquem diversas ferramentas, sobretudo, de automação para tentar ajudar no dia a dia. Por isso, preparamos o artigo abaixo com 4 situações em que tecnologias disruptivas fizeram a diferença na cadeia de suprimentos.  

Vale ressaltar que ainda não estamos no auge do desenvolvimento de aplicações neste sentido. Com o surgimento do 5G, há uma forte tendência de que novas tecnologias disruptivas promovam mudanças na cadeia de suprimentos. E em outras áreas também!

Inteligência Artificial

A primeira tecnologia disruptiva que fez a diferença na cadeia de suprimentos é a Inteligência Artificial. Hoje, uma parcela considerável das empresas toma decisões com base em informações processadas por softwares. E tais dados vão do comercial até o estoque.

Com isso, é possível criar estratégias e antever cenários de aumento de demanda, por exemplo. E tudo de forma mais eficiente.

Armazenamento em nuvem

A segunda e não menos importante é a Nuvem. Presente no dia a dia de grande parte das pessoas, esta tecnologia disruptiva tem feito a diferença na cadeia de suprimentos. Com ela, as companhias têm maior segurança, agilidade na atualização e troca de informações. Com ela, sem dúvida, a indústria ganhou muito em produtividade.

Robótica

Em terceiro, os Robôs também vieram para ficar. Além do transporte de objetos, eles acabam tendo um papel vital dentro da indústria. A Pandemia mostrou a necessidade de agilidade e resiliência na cadeia de suprimentos. Como tecnologia disruptiva, essas máquinas ajudam a aumentar a capacidade competitiva das empresas.  

Big Data

Em quarto, o Big Data, sem dúvidas, é uma das tecnologias mais disruptivas dentro da cadeia de suprimentos. Com este tipo de ferramenta, algumas empresas têm conseguido estabelecer formas mais eficientes de uso de espaço para o armazenamento de produtos, por exemplo.

Por fim, é importante ressaltar que em um mundo sempre em transformação, novos processos e ferramentas devem fazer parte do dia a dia das empresas. Hoje, tecnologias disruptivas dentro da cadeia de suprimentos se tornaram indispensáveis para o ganho de produtividade. Pense nisso!

Leave a Reply